Concorrência: entenda o que é e quais os tipos

Entenda o que é Concorrência e quais os tipos.

O que é concorrência?

Para abordar “Concorrência: entenda o que é e quais os tipos”, iniciarei com uma simples introdução. 

Antes de mais nada, a concorrência é o fato de várias pessoas desejarem o mesmo objetivo ou uma posição de destaque.

Nesse sentido, este mesmo conceito é aplicado no meio empresarial.

A partir do momento que alguma organização quer obter maior participação no mercado do que as demais.

Então, pense nisso levando em conta oferta e demanda do mercado.

Desta maneira, se alguma empresa estabelece preços muito altos, será comum que alguns clientes deixem de comprar.

Visto isso, a concorrência exerce um papel de controle para não permitir a inflação dos preços de forma brutal.

Entretanto, em certas situações, as organizações procuram eliminar esta concorrência para obter maiores benefícios.

Desta forma, é acordado preços similares sem precisar reduzir os preços pela pressão dos concorrentes.

Quais os tipos de concorrência?

1- Concorrência Perfeita

Segundo economistas, o modelo de Concorrência Perfeita se aplica quando há muitos vendedores e muitos compradores. 

Então, nesse caso, as empresas e os consumidores não conseguem influenciar o mercado de maneira individual.

Possui as seguintes características:

  • Baixa ou nula diferenciação entre os produtos;
  • Transparência em relação às condições em que o mercado opera;
  • Liberdade para entrar ou sair da atividade.

Por exemplo, temos o arroz que se encaixa nesse modelo.

Isto pois trata-se de um produto de origem natural e pode ser explorada por qualquer um que queira investir.

Além disso, há uma grande quantidade de produtores e de interessados em consumir o arroz.

Isso permite que o preço se estabilize e que haja certo equilíbrio entre aqueles que participam desse mercado.

Vejamos no mesmo exemplo para analisarmos em relação aos preços:

Se uma empresa de arroz elevar muito seu preço, irá perder grande parte da demanda, não é verdade?

Afinal, o consumidor obviamente vai preferir comprar um produto semelhante por um preço mais baixo.

Entretanto, tentar abaixar muito o preço do produto em uma situação de concorrência perfeita também pode ser prejudicial.

Então, preços muito baixos podem não ser sustentáveis a longo prazo.

2- Concorrência Imperfeita

Agora, a concorrência imperfeita é exatamente o oposto da concorrência perfeita. 

Nesse modelo, há certo desequilíbrio entre a oferta e a demanda.

Como resultado, uma das partes possui domínio sobre o mercado e influencia no preço comercializado. 

I) Monopólio

Sobretudo, o Monopólio ocorre quando uma única empresa oferece determinado produto/serviço.

Além disso, tem o poder de determinar seus preços. 

Como exemplo, temos a Petrobras.

II) Monopsônio

Monopsônio funciona de maneira inversa ao Monopólio, são inúmeros vendedores para um comprador.

Então é o comprador que exerce domínio sobre o preço.

Um exemplo dessa prática pode ser Commodities agrícolas.

III) Oligopólio

Esse tipo de concorrência assemelha-se ao Monopólio.

Por outro lado é comandado por um pequeno grupo empresarial, e define toda a mecânica de oferta de produtos e serviços. 

Existem  dois tipos:

Oligopólio Puro: produtos homogêneos, sem diferenciação;

Oligopólio Diferenciado: produtos com diferenciação relevante;

Há também os conglomerados, que constituem-se de empresas de diferentes setores sob o comando de uma organização maior.

IV) Oligopsônio

Assim como acontece com o Monopsônio, o Oligopsônio é uma prática inversa ao Oligopólio.

São poucos compradores para vários vendedores. 

Então, são os compradores que determinam os preços e a dinâmica do mercado. 

V) Monopólio bilateral

Um Monopólio bilateral é quando há um comprador e um vendedor e ambos exercem influência nos preços.

Já a realização da compra vai depender do poder de negociação das partes.

Conclusão 

Em conclusão, é sempre importante identificar em qual tipo de concorrência a sua empresa está inserida.

Afinal evita falhas estratégicas e propõe melhorias ao modelo de negócio. 

Para aqueles que querem expandir a visão de negócio, confira esse post do blog sobre Guerra de Preço.

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *